Galaxy S8 pode ter memória ultra-rápida e mais memória RAM que o seu PC

26 de dezembro de 2016 Comentário(s)
Galaxy S8 pode ter memória ultra-rápida e mais memória RAM que o seu PC

O ano de 2017 marcará a passagem dos smartphones de 6 GB de memória RAM para o valor incrível de 8 GB. É muita memória! Mais a que a de muitos notebooks! Mas, além disso, de acordo com um rumor recente do site chinês MyDrivers, o vindouro Galaxy S8 não só virá com colossos 8 GB de RAM como também os terá rodando a uma velocidade sem precedentes.

De acordo com a publicação, a nova geração de smartphones flagship da Samsung deve utilizar um sistema de memória no padrão UFS 2.1, o que permitiria uma taxa de leitura e escrita com velocidades impressionantes, principalmente quando o conteúdo envolve vídeos gravados em 4K.

O Galaxy S8 poderá contar com sistema de memória no padrão UFS 2.1 com taxas absurdas de leitura e escrita

Os módulos estariam sendo produzidos em massa já pela própria Samsung e pela empresa SK Hynix, que até o momento está produzindo um chip de memória RAM mais lento. No entanto, com a proximidade do mês de abril, quando o S8 deve ser anunciado, será fácil identificar se este rumor é verdade ao acompanhar a produção de memórias da empresa.

Imagem conceitual de Galaxy S8 com proporção de tela muito maior que a atual

Chuva de rumores

Além destas memórias de altíssima velocidade, são esperados para o Galaxy S8 uma taxa de proporção de tela altíssima, a remoção completa do botão Home físico e um leitor de digitais que pode ser incorporado dentro do display. Uma versão Plus do aparelho com tela maior que 6 polegadas também está sendo amplamente especulada.

Devemos tratar estas informações ainda no âmbito dos rumores, especialmente porque muitas informações dúbias ou conflitantes estão rolando nos últimos dias. Porém, depois do fiasco do Note 7, sabemos que a Samsung precisa se reposicionar com um produto que exceda quaisquer expectativas e por isso estamos confiantes que gastos em novas tecnologias, como a produção de processador com litografia de 10 nanômetros, serão a chave para um grande salto.

Fonte(s): MyDrivers

Comentários